Terça-feira, 1 de Março de 2011

Os peitos de Jane, o olhar de Annie

No mesmo dia calaram-se, para a eternidade, dois dos grandes vultos interpretativos do periodo dourado do cinema americano e europeu. Ambas tiveram carreiras curtas e certeiras. E ambas foram tremendamente populares junto do pública e olhadas sempre com desdém pela ácida critica.

 

 

 

Jane tornou-se celebre pelos voluptuosos peitos. Os mesmos que captivaram, justificadamente, o olhar de Howard Hughes. Nos seus tempos livres o milionário até construiu um soutien especial para ela, para potenciar ao máximo a sua imagem carnal no filme que produzia e que dela faria um icone sexual dos anos 40. Mas Jane nunca usou esse soutien moderno. Nem em The Outlaw, onde cada plano deixava o público masculino a suspirar e a comissão Hayes a protestar, nem nunca. Até nisso se reinvindicava como uma mulher livre.

Longe de ser uma prima-dona, Jane Russell aceitou sempre o seu papel dentro da indústria. Vendia a sua imagem porque sabia que quotizava mais alto que o seu talento dramático, que também o tinha. Ao lado de Marilyn Monroe aceitou ser a despeitada morena pelos Gentlemen Prefer Blondes, mas mesmo assim era o seu ritmo quente e seguro que ganhava no mano-a-mano com a quase inexpressiva Norma Jean Baker. Depois dessa grande êxito - o seu maior nas bilheteiras - e de umas divertidas comédias com Bob Hope, Bing Crosby e Frank Sinatra retirou-se progressivamente do grande ecrã. Havia outros peitos mais novos à frente nas listas dos productores e com a consagração do "método" os seus dias pareciam cada vez mais distantes. Soube sair quando a sua imagem pública era ainda a mesma que ostentava nos filmes que a celebrizaram. E o seu retiro, real e emocional, foi tão tranquilo como o seu passo por Hollywood. Tornou-se activista da direita conservadora californiana e - talvez por isso - a critica pareceu contente em mantê-la afastada dos icones e das divas que recordavam, ano após ano, como as grandes do seu tempo. A morte da mulher que ajudou a definir o conceito de decote como objecto de desejo sexual numa era de multiplas proibições , depois de uma gala dos Óscares para a qual nunca foi nomeada, é também mais uma morte nessa imagem etérea dos dias sagrados de Hollywood.

 

Do outro lado do Atlântico chora-se também mas, inevitavelmente, com menos dor.

Dor padeceu, durante largos anos, a mete de Annie Girardot, provavelmente uma das grandes actrizes gaulesas da história. Como Russell, a imprensa e os realizadores da época - a escola da Nouvelle Vague - desconfiavam do seu olhar, do seu corpo, da sua popularidade. E foi fora de França que se encontrou consigo mesma. Depois de trabalhar com Jean Cocteau - que dela disse ser uma luz incandescente a todas as horas - a rapariga dos olhos grandes e cabelo curto encontrou em Visconti o seu protector. No maravilhoso Rocco i sui Fratelli transformou-se numa sofridora amante com destino trágico e ajudou a moldar o pano de fundo de uma das mais belas e pungentes histórias do cinema italiano. Aí conheceu Renato Salvadori, seu assassino, seu eterno amor, e daí partiu para o estrelato europeu que raramente encontrava ecos em França onde as Bardot, Karina, Deneuve e Hardys pareciam tomar a dianteira.

Perdeu-se em anos até que reencontrou Vadim - depois de este deixar a bela Birkin - e Monicelli, os autores que melhor a compreenderam. E o público francês começou a redescubri-la. Talvez demasiado tarde. Quando recolheu o seu César por Les Miserables, do pós-Nouvelle Vague Lelouch, recebeu aplausos entusiastas mas a memória falhava-lhe. O alzheimer já atacava e anos depois, com novo triunfo como secundária de Huppert em La Pianiste, a doença já tinha tomado quase controlo total da sua lembrança. Demorou, o sofrimento foi largo, mas a mulher que sobreviveu sem o cinema francês - e o cinema francês, surpreendentemente, sem ela - a mulher dos olhos mais fascinantes do hexágono, finalmente deixou de ter de se preocupar por não se lembrar de nada. Lembramo-nos nós, por ela, eternamente.

 

 

 

 

Categorias:

Autor Miguel Lourenço Pereira às 12:15
Link do texto | Comentar | favorito
2 comentários:
De Absolut Lack a 1 de Março de 2011 às 17:27
SE GOSTARES DA MINHA CURTA-METRAGEM VOTA http://videos.sapo.pt/HFTSRwYMjzcVqnpz4KWv thank you :)


De Amigos do Concelho de Aviz a 2 de Março de 2011 às 18:20
A cultura deve ser preservada a todo o custo. Por isso peço desculpa por vir ocupar este espaço que é seu para, juntos, divulgarmos os IX JOGOS FLORAIS DE AVIS, cujo regulamento se encontra disponível em www.aca.com.sapo.pt em “destaques”.
Obrigado.
Fernando Máximo/Avis


Comentar post

.O Autor

Miguel Lourenço Pereira

.Fundamental.

EnfoKada

.Janeiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.Ultimas Reviews

Midnight in Paris -
The Ides of March -
A Dangerous Method -
Tinker Taylor Soldier Spy -
Drive -

.Classificação

Excelente-
Muito Bom-
Bom -
Aceitável-
Evitar-

.Pesquisa

 

.Ultimas Actualizações

. Por uma definição justa d...

. Oscarwatch - Melhor Filme...

. Oscarwatch - Melhor Argum...

. Oscarwatch - Melhor Actor...

. Oscarwatch - Melhor Actri...

.Do Autor

Em Jogo

.Categorias

. biografias

. cinema

. corpos...

. estreias

. festivais

. historia opinião

. mitos

. noticias

. obituario

. opinião

. oscares

. oscarwatch 2008

. oscarwatch 2009

. oscarwatch 2010

. oscarwatch 2011

. premios

. reviews

. rostos

. that´s the movies

. trailers

. todas as tags

.Blogs

35mm
7CineArt
A Gente Não Vê
A Última Sessão
Action Screen
Alternative Prision
Ante-Cinema
Antestreia
A Última Sessão
Avesso dos Ponteiros
Bela Lugosi is Dead
Blockbusters
Cantinho das Artes
Cine31
CineBlog
CineLover
CinemeuBlog
CineObservador
CineRoad
CineLotado
Cinema is My Life
Cinema Notebook
Cinema´s Challenge
Cinema Xunga
Cinematograficamente Falando
CinePT
Close Up
Cria o teu Avatar
Depois do Cinema
Dial P for Popcorn
Ecos Imprevistos
Estúpido Maestro
Febre 7 Arte
Final Cut
Grandes Planos
Gonn1000
Grand Temple
High Fidelity
In a Lonely Place
Jerry Hall Father
Keyser Soze´s Place
Maus da Fita
Movie Wagon
Mullolhand CineLog
My One Thousand Movies
My SenSeS
Noite Ameriana
Ordet
O Homem que Sabia Demasiado
O Sétimo Continente
Os Filmes da Gema
Pixel Hunt
Pocket Cinema
Portal do Cinema
Royale With Cheese
Split Screen
The Extraordinary Life of Steed
Um dia Fui ao Cinema
Voice Cinema



.Sites

c7nema
CineCartaz
Cine Estação
Cinema2000
Cinema-PT Gate
DVD Mania
DvD.pt
Em Cena
Lotação Esgotada
Cine História
Cinemateca Lisboa
Eu sou Cinéfilo
Portal Cinema

American Film Institute
British Film Institute
Cahiers du Cinema
Cinémathèque Francaise
Directors Guild of America
Internet Movie Database
Motion Picture Association
Screen Actors Guild
Screen Writers Guild
Sight and Sound
Telerama

Box Office Mojo
Coming Soon
Dark Horizons
Hollywood Reporter
JoBlo
Latino Review
Movie Poster

Premiere
Rope of Silicone
Rotten Tomatoes
Slash Film

Sun Times Chicago

Variety

.Premios e Festivais

Cesares
European Film Awards

Golden Globes
Goya

Oscares

Animation Film Fest
European Film Festival
Festival de Berlim
Festival de Cannes
Festival de S. Sebastian
Festival de Sundance
Festival de Veneza
Roma Film Festival
São Paulo Film Fest
Sitges Film Festival
Toronto Film Festival

Algarve Film Festival
Ao Norte!
Avanca
Black and White
Caminhos
Cinamina
Corta!
Curtas Vila do Conde
DOCLisboa
Fantasporto
FamaFest

Festroia

FIKE
Funchal Film Fest
Imago
Indie Lisboa
Ovar Video

.Oscarwatchers

And the Winner is...
Awards Daily
In Contention
Golden Derby
MCN Weeks
The Envelop
The Carpetbagger
Thompson on Hollywood

.Arquivos

. Janeiro 2013

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.subscrever feeds